Santo Alberto

8 de Abril | Santo(a)

Santo Alberto nasceu por volta do ano de 1150, na Itália, provavelmente em Castel Gualtiere – atualmente província de Regio Emilia. Ele era descendente dos Avogrado, uma família pertencente à classe média.

Ele tinha 20 anos quando acabou os estudos de direito e acabou por optar pela vida religiosa. Mas claro que ele não queria uma carreira eclesiástica cômoda, remunerativa e prometedora. São Alberto buscava uma austera vida comunitária. Ele foi dizendo ‘sim’ para a vontade de Deus e assim se tornou um religioso da Ordem Agostiniana, e posteriormente um padre e superior de uma Comunidade.

Sua fama cresceu muito, até que no ano de 1184 foi eleito bispo de Bobbio, mas lá permaneceu apenas por alguns meses. São Alberto foi então encaminhado para presidir a igreja de Vercelli e lá ficou por vinte anos de sua vida.

A verdade é que ele não se limitou apenas a presidir a diocese. Ele também representava o imperador. E como bispo, o santo do dia de hoje acompanhou a igreja eusebiana na celebração de um sínodo diocesano em 1191. Lá nasceram novos estatutos, fruto da clarividência e da competência de São Alberto.

São Alberto também teve a preocupação de formar o clero diocesano. Por isso foi bastante valorizado pelos papas, que o enviaram para que fosse um mediador em dioceses vizinhas e pudesse dirimir desavenças entre bispos e os capítulos dos cônegos.

A competência e sabedoria jurídica do santo do dia também foram importantes em algumas ocasiões, como na reforma dos estatutos dois capítulos dos Cônegos de Biella e Santa Ágata e Santa Maria Maggiore de Vercelli.

São Alberto foi perseguido entre não-cristãos e também entre cristãos. Tanto foi que no dia da Exaltação as Santa Cruz, o santo do dia 08 de abril estava com todo o Clero e acabou sendo apunhalado por um fanático anticristão. Ele faleceu perdoando e uniu o seu sangue ao Sangue de Cristo no ano de 1214.

Calendário

Destaque

Novena de São José - Dia 1
Ronney e Karine
Diferente.tv
© Copyright 2019

Jesus não é uma ideia, um sentimento, uma recordação! Jesus é uma pessoa, sempre viva e presente conosco!

São João Paulo II

DESENVOLVIDO POR 3PIXELS