São Marino e Astério

3 de Março | Santo

Hoje lembramos o testemunho dos quarenta mártires que deram tão grande testemunho de fé e coragem expressados por Santo Éfrem quanto a eles: “Que desculpa poderemos apresentar ao tribunal de Deus, nós que, livres de perseguição e torturas, deixamos de amar a Deus e trabalhar na salvação de nossas almas?”. Chegou até nós o testemunho da ousadia destes homens, que no século IV foram impelidos pelo Imperador Licínio a um juramento de fidelidade para todos os soldados, na qual consistia em sacrificar aos ídolos protetores do Império.

Diante da injusta ordem das autoridades, quarenta cristãos pertencentes a guarda do Império recusaram a direção e foram sinceros ao dizerem: “Até ao presente combatemos e vencemos a serviço dum senhor mortal como nós; agora queremos lutar e vencer sob a bandeira de Cristo, que é o Deus verdadeiro a quem devemos obediência e adoração!”. Desta forma venceram e ganharam o direito da coroa imperecível, já que, irredutíveis, foram torturados e depois de receberem, os soldados de Cristo, a condenação de ficarem num tanque gelado em pleno e rigoroso inverno. O mais jovem de todos sobreviveu até o ponto de morrer nos braços da amada mãe. Hoje somos nós os chamados ao mistério da iniquidade com ardor, fé e a Graça.

Destaque

Pecado e Perdão
De onde vieram os Santos?
Diferente.tv
© Copyright 2019

Jesus não é uma ideia, um sentimento, uma recordação! Jesus é uma pessoa, sempre viva e presente conosco!

São João Paulo II

DESENVOLVIDO POR 3PIXELS